o mio babbino caro

Amira e Maria Callas cantam O Mio Babbino Caro

O Mio Babbino Caro é uma daquelas árias que você pode não saber o que está sendo cantado mas entende perfeitamente uma coisa, é linda e emocionante de mais.

Agora imagina, você vê uma menininha bonitinha e fofa cantando essa ária! A primeira coisa que penso é que isso não é possível. Eu fiquei tão chocado e surpreso ao ver a Amira Willighagen, na época com apenas 9 anos de idade (o vídeo é de 2013) cantando esta ária porque não é algo comum. Eu sempre digo, tem muita gente talentosa por ai escondida e é uma pena que os sistemas educativos de quase todos os países não tem uma forma de descobrir e muito menos, de desenvolver estes talentos.

Finalmente são descobertos num programa de talentos… Que seja, lá está a jovem Amira diante de um público expressivo com a sua jovem idade sem um pingo que seja de nervosismo ou medo expressado na face, quase como uma profissional. Até aqui tudo bem, ou não! Quando o jurado do programa pergunta para ela sobre por quê escolher ópera. Ela simplesmente diz que queria cantar algo no feriado do dia da rainha e pesquisou no Youtube, achou árias de óperas lá e começou a cantar!!

Pode isso? Pode uma pessoa descobrir um talento dessa forma? E ela começa a cantar… dai para frente ninguém consegue acreditar no que está vendo. É algo tão inacreditável e tão fora do normal que o jurado fica chocado. Um deles comenta, “é uma alma antiga”. Esse comentário é muito curioso… É tão bonito de ver que você chega a esquecer que este mundo é uma porcaria cheia de violência, ódio e medo. Coisas assim me fazem ter esperança na humanidade.

Amira termina de cantar e um jurado diz que é tão extraordinário alguém com essa idade cantar assim que em certo momento lhe pareceu estar escutando a grande Maria Callas cantar (exagero, mas tudo bem, é a emoção do momento). Outro jurado pergunta se tinha tido lições de canto, aqui é surpreendente a cara dela de total inocência, Amira responde que não! Ou seja, ela aprendeu simplesmente vendo vídeos no Youtube. Neste ponto já não tem mais palavras para descrever, não tem mais o que dizer, apenas ficar maravilhado.

Olhem ela aqui:

Sobre a Ária

Para quem chegou até aqui, a ária é de uma ópera de Puccini de 1918 chamada “Gianni Schichi” que é uma história de humor encima de um casal estilo Romeu e Julieta. O Mio Babbino Caro é uma ária onde a filha de Gianni lhe pede para fazer “algo” pelos Donati, que é a família do seu grande amor. Gianni diz que não, “por aqueles eu não faço nada”. Nesse momento Lauretta canta esta ária para amolecer o coração do seu pai. O meu paizinho querido!

O mio babbino caro

O mio babbino caro
Mi piace, è bello, è bello
Vo’ andare in Porta Rossa
a comperar l’anello!
Sì, sì, ci voglio andare!
e se l’amassi indarno,
andrei sul Ponte Vecchio,
ma per buttarmi in Arno!
Mi struggo e mi tormento!
O Dio, vorrei morir!
Babbo, pietà, pietà!
Babbo, pietà, pietà!

Tradução:

Oh, meu paizinho querido!

”Oh meu paizinho querido
Eu amo-o, ele é tão belo;
quero ir até Porta Vermelha
Para comprar o anel!
Sim, sim, eu quero!
E se o meu amor fosse em vão,
eu iria até Ponte Velha,
e me atiraria ao rio Arno!
Eu choro e sofro tormentas!
Oh Deus, preferia morrer!

Pai, tende piedade, tende piedade;
Pai, tende piedade, tende piedade!

Para terminar, a grande Maria Callas:

o mio babbino caro

Fonte: Aqui.

Se você gostou desse post deixe seu comentário abaixo ou compartilhe. Nos ajude a divulgar a Cultura Clássica.