Rossini e o Barbeiro de Sevilha.

O Barbeiro de Sevilha é uma Ópera-bufa (ópera comédia) do Gioachino Rossini. Na publicação dedicada à música clássica nos desenhos animados surgiu nos comentários esta ópera cuja estreia foi no teatro Argentino de Roma em 1816.

Conta a historia que foi um desastre na sua primeira apresentação, o público vaiou o tempo inteiro e houve confusão aparentemente incitada porque entre o público haveria simpatizantes dos rivais de Rossini. De qualquer maneira a segunda apresentação seria um sucesso.

Baseada na primeira parte da obra “Fígaro” do francês Caron de Beaumarchais, enquanto Mozart trinta anos antes tinha composto “As bodas Fígaro” baseada na segunda parte da mesma obra.

A ária mais famosa desta ópera é “Largo al factotum” cantada pelo próprio Fígaro e que é conhecida por ser interpretada nos desenhos animados. Aqui no desenho animado de Tom &

Jerry interpretada de forma divertida pelo gato Tom.

Perna Longa

Já esta outra interpretação aconteceu no Teatro Real em Madri.

Alguns outros detalhes da obra podem ser encontrados no google ou no site el-atril este último esta em espanhol.