Maestro de música erudita recebe prêmio nacional

Leo Fuhr recebeu honrarias por sua contribuição com a cultura do país.

A condução de coros e orquestras e o conhecimento vasto de instrumentos musicais variados como flauta transversa, oboé, piano, trompete, clarinete e violino são atributos de um regente orquestral, função exercida pelo maestro niteroiense Leo Fuhr. Com carreira musical de destaque, Leo Fuhr, 59 anos, tem no bairro o seu estúdio de música, local onde realiza ensaios e prepara suas músicas.

Em novembro deste ano, o maestro recebeu da Sociedade Brasileira de Artes, Cultura e Educação a honraria do Mérito Cultural Carlos Gomes, no grau de comendador, que é remetida a pessoas que têm uma longa trajetória e contribuição à cultura no país. “Já participei de mais de mil concertos entre corais e orquestras”, afirma Fuhr. Além disso, o maestro foi agraciado com a medalha Honra ao Mérito pelo Ministério da Cultura, mais um reconhecimento ao seu trabalho.

Leia mais no artigo de Priscila Muzykant no “O Timoneiro”.

Cultura Clássica