hoffmeister

Franz Hoffmeister é o que se chama de grata surpresa

Franz Anton Hoffmeister era um desconhecido para mim (atestado de ignorância aqui 😉 ) mas rapidamente se converteu em um dos mais apreciados compositores entrando facilmente na minha lista de favoritos. Para quem não conhece, recomendo totalmente.

Todo dia aprendo algo novo nesse mundo da música clássica. Como não sou um “expert” e sim apenas um fã da música clássica existem coisas que podem parecer obvias para quem acompanha este gênero desde sempre. Para mim Hoffmeister era um desconhecido até que decidi pesquisar sobre o assunto motivado por um convite para um concerto.

Suponho deve ser um caminho natural para quem escuta música clássica começar a se aventurar por caminhos tortos fora do circuito dos grandes e famosos (Beethoven, Mozart, Bach…) em busca de “novos” compositores.

Hoffmeister não tem a fama de Beethoven ou Mozart mas foi contemporâneo deles. Se para Schubert viver na mesma época que Beethoven acabou sendo uma carga, para Hoffmeister era algo totalmente diferente. Era grande amigo de Mozart e era chamado de irmão por Beethoven. Ter tal nível de reconhecimento por parte daqueles que eram luminárias e indiscutíveis gênios da música clássica daquele tempo não é pouca coisa. Se a fama não foi o dele, o reconhecimento por parte dos grandes ele teve.

Hoffmeister se converteu em compositor de forma estranha digamos, foi para Viena para estudar advogacia, mas ao terminar seu curso começou a estudar música e se deu muito bem, poucos anos depois era um dos mais apreciados compositores de Viena. Abriu uma empresa de publicação de obras musicais, publicou obra de Mozart e Beethoven entre outros, mas acabou descuidando o negocio para se dedicar a compor.

Creio que fez muito bem. 😉

Vamos escutar uma peça de Hoffmeister e quem sabe você também adicione este compositor na tua lista.